DB Multiverse

Notícias Ler Minicomic Fanarts Autores FAQ Rss Feed Bônus Eventos Promos Parceiros Ajuda Torneio Ajuda Universo
                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                               

Dragon Ball Multiverse, o romance

Escrito por Loïc Solaris

Adaptado por Rafael

Tradução da fanfic francesa de DBM para o português

Intro

Parte 0 :0
Parte 1 :12345

Round 1-1

Parte 2 :678910
Parte 3 :1112131415
Parte 4 :1617181920
Parte 5 :2122232425
Parte 6 :2627282930

Lunch

Parte 7 :3132333435

Round 1-2

Parte 8 :3637383940
Parte 9 :4142434445
Parte 10 :46
[Chapter Cover]
Parte 3, Capítulo 13.

PARTE 3: UUB E BUU TÊM AS HONRAS!

Capítulo 13

Traduzido por Rafael


Goku e Vegeta permaneceram paralisados enquanto o reflexo de sua antiga fusão, Vegetto, procedia calmamente. Ele tinha um olhar severo, mas um sorriso amigável. Ele parou ao lado de Bra.

“Então isso é o que nos torna diferentes então,” pensou Gohan.

Piccolo do Universo 16 pensou que havia muitas pessoas em seu espaço... ele aproveitou o fato da atenção de todos estar voltada para Vegetto para eclipsar seu sumiço.

“Como vocês derrotaram Majin Buu se você e Vegeta não se fundiram em mim?” Vegetto perguntou a Goku enquanto Pan descansava.

“Oh entendo... Buu está aprisionado dentro deste garoto,” analisou Vegetto após um rápido olhar para o jovem garoto de pele escura. “Como vocês fizeram isso?”

“Hm... Bem, isso é um pouco complicado,” Goku começou.

“Depois que nos fundimos em Vegetto, fomos absorvidos por Majin Buu,” Vegeta disse. “Quando desfizemos o escudo de energia, nossos corpos se separaram e eu esmaguei o brinco Potala.”

“Então foi ai onde nossos universos se divergiram... Eu quase decidi fazer o mesmo e desfazer a barreira. Mas, depois de alguma hesitação, eu finalmente optei por mante-la.”

“Oh, isso me faz lembrar,” disse Goku subitamente. “Nós nunca soubemos o por que de nossos corpos terem se separado.”

Um breve momento de silêncio se estabeleceu. Todos pensaram sobre isso por alguns segundos antes de Vegetto quebrar esse momento.

Ele disse para si, “Se eu soubesse naquela época, se eu tivesse removido o escudo, eu teria me tornado Goku e Vegeta novamente...”

Ele não teve necessidade de terminar sua sentença. Ele não precisava. Todos entenderam o que ele estava insinuando. Uub se aproximou e ofereceu uma solução, “Existe um Majin Buu no Universo 11. Você talvez poderia pedi-lo para–

“Não,” a fusão Saiyajin cortou Uub no meio de sua sentença. “Hoje, e assim como a vinte anos atrás, eu sou uma pessoa completa. Eu sou Vegetto... Goku e Vegeta estão mortos.

“Então eu finalmente estou de certo, de alguma forma...” Goku disse com um pequeno sorriso.

“Nós poderíamos ir e perguntar ao Kaioshin do Universo 1 sobre nossa fissão no corpo de Majin Buu,” Vegetto propôs. “Mas antes disso, como esse garoto surgiu?” ele perguntou, apontando para Uub.

“Esse é Uub, meu aluno. Ele é a reencarnação de Majin Buu. Eu acredito que Enma Daio realizou meu desejo depois que eu derrotei Majin Buu.

“Enma Daio? Tsss... Ele se recusou a me fazer esse favor, especialmente por sua causa,” disse Vegetto em severa relação a Vegeta.

“Minha?! Eu sou parte de você, então isso é sua culpa também.” retrucou o Príncipe dos Saiyajins.

Vegetto sorriu antes de perguntar a Uub, “Quão forte é você?”

Uub ficou em silencio por alguns segundos. “Você verá em minhas lutas” ele respondeu timidamente, mas também secamente e com respeito. Ele não havia apreciado o fato de Vegetto te-lo cortado anteriormente.

“Eu mal posso esperar para ver! E mudando de assunto, o que vocês têm feito pelos últimos vinte anos?”

“Nós estivemos treinando!” respondeu Goku.

“Para forçar os limites do corpo Saiyajin,” Vegeta adicionou. “E você?”

“Eu estive trabalhando em prol da... bem, justiça. O que mais?” Vegetto respondeu.

“Comendo os ótimos pratos da Chichi,” disse Goku de repente, se lembrando que a luta de Buu contra Bujin havia o deixado com fome.

“Ah, sim!” Vegetto quase gritou, perdendo toda a seriedade. “Isso já me faz ficar com fome! Eu sempre amei o frango dela!”

“Oh, sério?” Goku perguntou, também perdendo toda a seriedade.

E por alguns minutos, Vegetto e Goku se enfrentaram, babando estupidamente ao listar todos os pratos que eles mais amavam. Mas eles tentaram reganhar alguma imagem de seriedade quando Videl perguntou timidamente, “Com licença, hum... Senhor Vegetto, como você lidou com... hum … Bulma e Chichi?”

“Boa pergunta!” Vegetto saiu de seu transe enquanto todo o Universo 18 esperava por sua resposta. “Isso ainda é engraçado, eu acho que você me perguntou a mesma coisa à vinte anos atrás,” ele disse olhando para Videl de seu universo, que assentiu com um acenar de sua cabeça. “Simplificando, eu não abandonei completamente Chichi, mas eu estou em um relacionamento com Bulma... com quem eu tive uma filha chamada Bra.”

Um silencio... Vegetto olhou em direção ao Universo 18, mas não pode encontrar o que queria. Ele então perguntou, “Me diga, Vegeta. Está indo bem com Bulma?”

“Mas é claro, seu tolo! O que você acha?” Vegeta vociferou.

“Você não tem uma segunda criança?”

“Eu tenho, ela também se chama Bra.”

“Ela não veio? Ela não seria muito forte?

“Não tão forte quanto ela deveria ser... é culpa da mãe. Mas sim, ela está aqui.”

“Bem eu não a vejo em lugar algum.”

Vegeta sondou a área por ela também... com seus olhos. Porque nessa arena, era praticamente impossível de sentir ou distinguir apropriadamente as auras a menos que elas estivessem por perto. “Então, para onde é que ela desapareceu?” Vegeta se perguntara.

“Ela está andando por aí, nós passamos por ela a pouco,” especificou Gohan do Universo 18.

“Ela está lá,” apontou Uub... que ficou um pouco corado quando todos olharam para ele. Mas ele manteve sua compostura e especificou, “Ela está conversando com as garotas no Universo 6.”

“Lá está Bojack,” Gohan disse.

“Eu vou até lá. Nunca se sabe o que pode acontecer em um lugar como aquele,” ofereceu Bra do Universo 16, que falou pela primeira vez perante aqueles do Universo18, partindo imediatamente.

Enquanto passava pela ala do Universo 16, Bra do Universo 18 não pode-se conter ao notar o grupo de quatro garotas vestidas com roupas antiquadas e datadas. A quinta garota no Universo 6 era uma ruiva. O capanga dela e de Bojack, Bujin, ainda estava inconsciente aos seus pés. Bra decidiu ir até o grupo de quatro garotas para conversar... Afinal das contas, todas eram garotas, aqui... era raro de se ver garotas em torneios como esse e elas poderiam provavelmente ter coisas em comum, mesmo que os seus gostos por roupas não fossem dos melhores.

Elas foram amigáveis a princípio, e a conversa começou bem. Bra não conseguiu se recordar de todos os nomes... Havia essa garota de cabelos longos chamada Kat, e havia a Syd. Mas quem era essa aqui mesmo? Bra não conseguia mais se lembrar.

Em todo o caso, elas logo começaram a falar sobre moda e as ideias entre os dois grupos eram muito divergentes. O tom aumentou levemente. Alguns insultos amigáveis eram lançados, e alguma das garotas davam risadinhas, das quais irritavam a ruiva Zangya em outra parte.

Mas não era nada sério. Afinal, esses tipos de “disputas” eram comuns entre garotas. Mas no contexto do torneio, isso poderia criar problemas.

Felizmente, Bra do U16 chegou a ala do Universo 6. Com sua estatura relativamente mais imponente(comparada a Bra do U18), ela acalmou o entusiasmo das outras garotas e praticamente ordenou que a outra Bra retornasse ao seu espaço... Virando suas costas para o Universo 6, as duas Bras começavam a partir quando Bra do U16 repentinamente escutou Zangya sussurrar, “Já vai tarde”. Ela se virou e encarou a ruiva e disse, “Você, você não é melhor do que as outras...”

Zangya quase perdeu o bom senso e bateu naquela “vadia” enquanto seu sorriso desaparecia, mas Bojack colocou uma mão em seu ombro, parando-a. Assim, as duas Bras deixaram o Universo 6 sem problemas. Andando lado a lado, Bra do U16 perguntou, “Então, você descobriu alguma coisa interessante sobre elas? Seus poderes?”

“Não mesmo. Eu realmente não me importo com esse tipo de coisa.”

“Mas você é... nada,” Bra U16 foi forçada a dizer para sua contraparte.

“Não me diga isso, você é pior!” Bra U18 retrucou, “Você e esse seu topzinho de moleca! Você parece até que vai lutar como se fosse uma delinquente!”

“E enquanto a você?” disse Bra U16, parando, praticamente chocada.

Bra U18 não respondeu e continuou a caminhar de volta para a ala do Universo 18... Bra U16 prosseguiu com seu caminho para a ala de seu próprio Universo passando por muitos outros Universos, incluindo o Universo 12, aonde ela pode notar seu irmão, Trunks e Trunks U18 discutindo com Trunks U12. Enquanto ela passava, ele se permitiu escutar.

“Então, o que vocês fazem da vida,” perguntou Trunks, carregando uma espada em suas costas.

“Eu sou um alto executivo. Eu sento atrás de uma mesa,” respondeu um dos dois Trunks.

“Às vezes eu demito pessoas,” adicionou o outro. “Eu gasto uma boa parte do meu tempo olhando pra minha secretária.”

“Às vezes eu finjo ler relatórios,” disse o segundo Trunks, virando sua cabeça. A vida de ambos não parecia ser muito diferente.

Os dois Trunks sorriram, ambos concluíram que eles eram de fato idênticos. Um deles disse, “Eu frequentemente faço caminhadas com as garotas da Contabilidade. Há muitas garotas jovens e bonitas que sempre me cumprimentam pela manhã, dizendo, 'Bom diiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiaaaa Sr. Briefs e então dão risinhos.”

Os olhos de Trunks do Futuro haviam se arregalado enquanto escutava a suas duas contrapartes. Eles eram completamente diferentes dele. Ele então fez uma lista de suas próprias atividades:

“Eu ajudo na reconstrução de toda a Terra. Eu distribuo comida para aqueles que perderam tudo. Eu tento fazer do mundo um lugar melhor, como antes. Há vilarejos que não possuíam nenhuma água ou recursos por anos. #16 e eu podemos facilmente viajar rapidamente com cápsulas. Quase nenhum avião tem voado recentemente, mas fomos capazes de reconstruir as fábricas com o mesmo nível de vinte anos atrás. Fazem alguns poucos meses desde que fomos capazes de começar com a produção em massa de cápsulas. E finalmente, eu trabalho nos campos, frequentemente na mão, para ajudar a reconstruir um efetivo mercado agrícola. Os antigos Androides gostavam de queimar as colheitas e de nos deixar a beira da morte pela fome.

Dessa vez, foram Trunks U16 e do U18 quem ficaram chocados. Houve um longo momento de um estranho silêncio... Bra partiu sem saber como os Trunks iriam recomeçar com a conversa. O que a fez se sentir segura fora o fato de que o Trunks que empunhava uma espada parecia muito mais maduro do que seu irmão... Trunks U12 havia contado sobre suas aventuras e sua maturidade era sem a menor sombra de dúvida por conta de suas experiências...

Os 12 apresentadores de repente anunciaram a próxima luta: Tidar do Universo 19 contra Uub do Universo 18. O estudante de Goku recebeu algumas palavras de encorajamento do Universo 16 e de seu mestre, e voou para o ringue.

Bra do Universo 16 retornou para seu espaço enquanto Vegeta e Goku retornaram para o deles. Infelizmente as duas partes não se cruzaram. Bra achou uma pena, já que queria conversar com eles um pouco, também. Mas entendeu que eles queriam observar a luta de um deles de forma séria.

Conforme pulava sobre o muro do Universo 16, Bra olhava para o Universo 19. O célebre Tidar estava se preparando para entrar em cena...

Comentários sobre esta página:

Carregando os comentários...
[pt_BR]
EnglishFrançais日本語中文EspañolItalianoPortuguêsDeutschPolskiNederlandsTurcPortuguês Brasileiro
MagyarGalegoCatalàNorskРусскийRomâniaCroatianEuskeraLietuviškaiKoreanБългарскиעִבְרִית
SvenskaΕλληνικάSuomeksiEspañol Latinoاللغة العربيةFilipinoLatineDanskCorsu