DB Multiverse

Notícias Ler Minicomic Fanarts Autores FAQ Rss Feed Bônus Eventos Promos Parceiros Ajuda Torneio Ajuda Universo
                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                               

Dragon Ball Multiverse, o romance

Escrito por Loïc Solaris

Adaptado por Rafael

Tradução da fanfic francesa de DBM para o português

Intro

Parte 0 :0
Parte 1 :12345

Round 1-1

Parte 2 :678910
Parte 3 :1112131415
Parte 4 :1617181920
Parte 5 :2122232425
Parte 6 :2627282930

Lunch

Parte 7 :3132333435

Round 1-2

Parte 8 :3637383940
Parte 9 :4142434445
Parte 10 :46
[Chapter Cover]
Parte 8, Capítulo 40.

PARTE 8: O PRIMEIRO ENCONTRO COM O LENDÁRIO SUPER SAIYAJIN!

Capítulo 40

Tradudizo por umbocads

Apoio e revisão de texto: Pedro Muricy

Trunks e Goten refletiram novamente, enquanto recuperavam a Esfera do Dragão… se eles tivessem usado uma cápsula de submarino, isso não teria acontecido. Era como se fossem imediatamente punidos pelo que haviam feito.

"Então, você não sente nada?" Trunks perguntou ao seu amigo, que o olhava interrogativamente.

Ele também sentira, sem saber do perigo mortal que se aproximava. Assim que viraram, viram-se violentamente atacados por uma … montanha? Uma montanha de músculos. Eles não tiveram tempo de ver quem era antes do impacto os tirar o ar!

Antes de poderem reagir, Broly acertou um gancho direito violento no rosto de Trunks, que imediatamente caiu na água, inconsciente. Então, ele golpeou fortemente o estômago de Goten com seu joelho - um joelho quase do tamanho de um garoto de sete anos. Broly o segurou pelo pescoço, e começou a estrangulá-lo, então finalmente percebeu que eram meras crianças. Havia ele crescido mais rápido que Kakarotto? Não, impossível…

Longe da batalha, aqueles que haviam lutado contra Broly anteriormente estavam assustados. Gohan, que estava com Piccolo, sentiu que seu irmão mais novo estava perdendo; Vegeta sentiu o ki de seu filho diminuir; Kulilin e Yamcha também sentiram. No momento, Bulma estava com Vegeta. No entanto, quando o Príncipe dos Sayajins partiu, Yamcha ficou com a sua agora ex-namorada. Alguém tinha de ficar e explicar a situação, e confortá-la com o conhecimento de que seu marido e filho estavam bem… a verdade era que ele não queria ter de encarar tal monstro novamente!

Kulilin pediu à sua esposa, Ciborgue 18, que viesse com ele imediatamente. Ela não entendia o que se passava, mas seu marido lhe explicou enquanto voavam. 18 percebeu que mesmo enquanto voando, seu marido tremia… ele poderia morrer ali… ele estava com medo! Mas Gohan estava ali, o guerreiro mais poderoso do mundo. Sem falar no Vegeta, que estava necessariamente ficando mais forte.

Mas não Kulilin - desde Cell, ele havia desistido de lutar. Deixara seu cabelo crescer, e alcançara seu mais antigo sonho: casar. Ele até mesmo tinha uma filha, uma garotinha a quem ele protegeria a todo o custo, não importando o que acontecesse, mesmo que arriscasse sua vida. Foi por isso que ele voou em direção ao monstro que estava atacando. Apesar de sua força, que fazia até mesmo a 18 parecer fraca em comparação, ele tinha de tentar alguma coisa…

Goten estava asfixiando… ele já estava inconsciente quando Broly finalmente o soltou. Não era como se estivesse cansado de brincar com o garoto, mas havia sentido outro alguém se aproximando. Ele soltou Son Goten, e lhe deu um violento chute que quase o matou, fazendo-o cair no oceano. Então, alguém interveio.

Aparentemente, Vegeta havia surgido do nada. Já transformado em sua forma Super Sayajin, ele havia voado em velocidade máxima para ser o primeiro no local. Seu primeiro soco lançou o gigante dezenas de metros abaixo. Vegeta atacou novamente, gritando para Broly. "ONDE ESTÁ O MEU FILHO!?" Mas o Lendário Super Sayajin era muito forte, e apesar dos sete anos de treino intensivo de Vegeta, eles estavam no mesmo patamar. Golpes, defesas e esquivas eram desferidas rapidamente entre os dois guerreiros.

Son Gohan se aproximava rapidamente. Ele já havia percebido que Vegeta estava no local, lutando com toda a sua força. Mas ele já não podia sentir os dois garotos… Muito preocupado, ele mergulhou na água em busca de seu irmão e de Trunks, temendo ser tarde demais. Se o pior tivesse acontecido, eles ainda poderiam ser revividos com as Esferas do Dragão, mas seria melhor que elas não tivessem que ser usadas. Enquanto procurava, ele sentiu auras poderosas batalhando muito acima. A luta entre Vegeta e Broly estava extremamente intensa! Broly era um Super Sayajin, mas ainda não havia se transformado em sua musculosa e invencível forma de Super Sayajin Lendário, então eles ainda podiam esperar vencer…

Então, #18 apareceu na frente de Gohan. Levou apenas um minuto para que ele entendesse o que a ciborgue pretendia. Deixando-a procurando pelos dois garotos, Son Gohan subiu à superfície em velocidade máxima.

Enquanto emergia da água, preparado para atacar o inimigo, Broly e Vegeta tinham seus braços travados um ao outro. Broly aproveitou a oportunidade para lançar um comentário para o Príncipe dos Sayajins, o filho do homem que ordenou sua execução, e a de seu pai, Paragus.

"Não tem mais medo de mim, Príncipe Vegeta?"

"Você reaprendeu a falar?" respondeu o pai de Trunks, sem interesse nos comentários do oponente.

O modo Super Sayajin muda o comportamento de um Sayajin, particularmente na primeira vez em que se transformam. Um exemplo é a tendência para o aumento de violência. O Goku Super Sayajin, excitado demais para pensar direito, escolheu lutar sozinho contra Freeza em um planeta fadado à destruição. Gohan, como Super Sayajin 2, passou de um garoto inocente a um sadista arrogante e sagaz, determinado a prolongar a agonia de Cell até que o monstro reconhecesse não ser mais o ser mais poderoso do universo.

O Broly Super Sayajin não diferia muito. Porém, quando transformado em sua forma de Super Sayajin Lendário, sua inteligência evaporava, e ele então pensava apenas em destruição e morte. Em seu encontro anterior, Broly permaneceu calado, indiferente, por conta da escravidão forçada, imposta por seu pai. Uma vez liberto deste cativeiro, ele imediatamente se transformou no Guerreiro Lendário, tendo seu vocabulário reduzido a gargalhadas sádicas, pontuadas por gritos.

O comentário de Vegeta, apesar de descuidado, não era uma provocação. Era de fato a primeira vez que ouvia Broly falar claramente…

Broly havia notado a presença de Gohan, e seu fôlego se esvaiu quando o filho de Goku o atacou: levado pelo momento, com ambos os punhos a frente, ele parecia querer atravessar o Guerreiro Lendário. O abdômen de Broly era teso o suficiente para aguentar o impacto. Mas a dor era demasiada. Ele os mataria, os esmagaria como insetos…

"Rápido, Vegeta!" gritou Gohan, firmando os punhos. "Temos de acabar com ele antes que ele se transforme no…"

Super Sayajin Lendário. Broly podia se transformar quando quisesse. Precisamente nesse momento, seu corpo explodiu em tamanho de maneira drástica. Gohan desesperou-se. O que ele poderia fazer?

"Nesse estado, nada vai machucá-lo!"

"Eu já sei disso!" Vegeta respondeu bruscamente, antes de se virar para Broly, com um tom sarcástico. "Já faz um bom tempo desde o Cell. Você está abaixo de nosso nível agora, lendária falha!"

Ele partiu em direção ao Broly de novo, apesar de Gohan tentar pará-lo. Seu punho acertou o queixo de Broly… mas como antes… não surtiu efeito nenhum. O monstro reagiu com um poderoso gancho de direita. Gohan começou a ajudar quando notou a esposa de Kulilin tirando duas crianças extremamente feridas da água. Muito machucados - eles estavam mortos?

"Goten!" gritou Gohan, ao ver seu irmão mais novo inconsciente e sangrando.

Pela primeira vez desde a luta contra Bojack, Gohan mergulhou em uma fúria profunda o suficiente para despertar seu estado de Super Sayajin 2. Seu cabelo espetou, e raios irromperam ao redor de seu corpo. Movido pela sua nova força, ele partiu em direção a Broly, acertando uma joelhada em seu rosto. Broly foi lançado para trás, perdendo a esfera de energia que preparava para lançar em Vegeta. Gohan manteve sua vantagem, deixando Broly na defensiva, e não lhe dando oportunidade para descansar.

Vegeta observava, lembrando-se da luta contra Cell - o momento em que Gohan era, inquestionavelmente, o mais poderoso de todos.

"Sim, ele é o mais forte… por hora", disse o Namekuseijin Piccolo, que finalmente chegara ao local. Ele flutuava um pouco acima do Príncipe dos Sayajins, com braços cruzados. "Mas, como você sabe, a força de Broly não para de crescer! Ele não pode ser derrotado de maneira comum."

Kulilin juntou-se à #18. Cada um carregava uma criança, voando em direção ao palácio de Dende, para que eles pudessem ser curados. A Ciborgue perguntou seu marido o porquê de não se juntarem à luta.

"Não, de maneira nenhuma! Não quero ser derrotado em um único golpe", respondeu o marido. "E eu não quero que você se machuque também. O importante agora é levar os garotos para um local seguro, e deixar Gohan e os outros cuidarem do resto."

#18 pensou poder ser útil em combate… mas se Kulilin considerava um esforço fútil, ficaria por isso. Ele era muito bom em inferir o nível de seus oponentes, mesmo após anos sem treino. Ela podia confiar nele. Segurando Trunks firmemente, ela seguiu o marido até o palácio de Dende.

"Devemos atacar juntos, de uma vez", Piccolo disse a Vegeta, insistentemente.

"Fique com seus planos; não precisamos deles!"

Mas ele estava enganado. Broly havia despertado. Seu ki já crescia, e agora excedia o de Son Gohan, que resistia como podia. Distante, no Paraíso, Son Goku podia sentir o poder liberado por Broly…

"Você vai gostar do meu plano", disse Piccolo a Vegeta. "Manteremos Broly ocupado, enquanto você carrega seu ataque mais poderoso para acabar com ele."

"Isso não causará dano…"

"E o seu ataque o empurrará ao Sol."

Vegeta pensou por um momento, mas logo aceitou a ideia do Namekuseijin. Afinal de contas, Gohan estava em perigo… e ele sabia que o poder de Broly iria aumentar novamente. Piccolo preparou-se para intervir, enquanto Vegeta preparava seu Final Flash. Para sua parte, Goku não ficou sem fazer nada… ele se levantou, pronto para partir, com dois dedos triscando sua testa. Ele sabia ser proibido, mas já o havia feito uma vez… uma segunda vez não machucaria… e com Broly, o destino do universo inteiro estava em jogo!

"Broly é suficientemente perigoso, então você pode ir", disse Kaio-sama, "mas precisamos de uma autorização primeiro!"

"Nós não temos tempo!"

"Eu o apoio, Goku, mas você não pode sair por mais de um segundo."

"Eu?" respondeu o Sayajin, com um olhar malicioso. "Eu não vou sair… só estou treinando um pouco."

Em um instante, ele se transformou em Super Sayajin 3 sem esforço. Não perder energia no Paraíso era mesmo um luxo! Seu longo cabelo dourado caia pelas suas costas. Ele não mais mantinha uma postura de teletransporte, mas sim a de um Kamehameha, como se fosse lançá-lo ao céu.

"Viu?" ele disse ao Senhor Kaiô com um sorriso.

Son Gohan estava perdendo espaço contra Broly, O monstro o pegou pela mandíbula, pronto para esmagá-lo. De repente, Broly sentiu algo formigar em suas costas. Ao virar, percebeu que Piccolo tentava resgatar seu antigo pupilo com um ataque, mesmo que insignificante contra o inimigo.

"Gohan, faça como Vegeta!" gritou o Namekuseijin, ao que Broly soltava Gohan.

Piccolo encarou Broly audaciosamente, embora tremendo por dentro. O monstro sabia o que eles estavam preparando?

Gohan agradeceu a Piccolo, retirando-se para onde Vegeta estava, enquanto o Namekuseijin atacava Broly. Este, é claro, não sentiu nenhum dos golpes. Ele pegou Piccolo, esmagando-o contra seu peito de ferro, e então puxou seu braço com tanta força que o arrancou, enquanto o estrangulava. Nesse ritmo, o Namekuseijin estaria morto em segundos…

Preenchido por uma fúria vingativa, Gohan lançou seu violento Kamehameha. Surpreso pelo ataque prematuro, Vegeta lançou seu Final Flash. Atrás, e entre os dois, Goku apareceu usando seu teletransporte. Seu Kamehameha de Super Sayajin 3 já estava pronto; ele só precisava liberá-lo.

Os três ataques combinaram-se, ao contato com Broly, que havia soltado o pobre Namekuseijin. Piccolo já havia perdido ambas as pernas, e um dos braços. O Lendário Sayajin não foi capaz de desviar. Bloqueado pela força dos três poderosos raios, ele foi empurrado ao Sol. O choque fez com que ele perdesse sua transformação. Novamente em sua forma base, o Sol destruiu seu corpo em meros segundos.

"Ka…ka…ro..tto…" Fora a última palavra pronunciada, antes de ser completamente reduzido a cinzas.

Imediatamente após o ataque, Gohan virou-se. Ele havia sentido o ki de seu pai, e o viu por uma fração de segundo! Uma miragem? Ou ele realmente havia estado ali? Vegeta não parecia ter percebido, arfando um suspiro de alívio.

"Se miraram bem, Broly não irá voltar. O Sol queima muito mais que nossos ataques", disse Piccolo a Vegeta e Gohan, após regenerar seus membros perdidos. (Pela primeira vez, vemos um Namekuseijin descalço!)

Nos universos 4, 16 e 18, Broly nunca foi visto novamente. Ele foi completamente destruído pelo Sol. Mas no universo designado pelos Vargas como #20, o Super Sayajin Lendário escapou do Sol por pouco, fundamentalmente triunfando…

Comentários sobre esta página:

Carregando os comentários...
[pt_BR]
EnglishFrançais日本語中文EspañolItalianoPortuguêsDeutschPolskiNederlandsTurcPortuguês Brasileiro
MagyarGalegoCatalàNorskРусскийRomâniaCroatianEuskeraLietuviškaiKoreanБългарскиעִבְרִית
SvenskaΕλληνικάSuomeksiEspañol Latinoاللغة العربيةFilipinoLatineDanskCorsu